ProfiCiência - informação sobre profissões em ciência Conheça as carreiras científicas

A ciência brasileira ainda é pequena, em termos da produção científica mundial - somos responsáveis por apenas 2%. Mas em determinadas áreas, o Brasil é pioneiro, como no agronegócio e nos biocombustíveis.

O Brasil ainda não tem uma cultura cientifica, estamos a construí-la ainda. Os norte-americanos e europeus, por exemplo, desde cedo colocam a mão na massa com relação à ciência experimental e à tecnologia. As crianças estão acostumadas a brincar com ciência, a frequentar museus e exposições, a cultura científica faz parte do cotidiano delas. Isso faz muita diferença.

Em função da abordagem multidisciplinar, cada vez mais forte na ciência, é importante que os jovens estejam habituados a ler, escrever, reconhecer e interpretar fenômenos físicos e biológicos, valorizar as diferentes culturas dos diferentes povos, apreciar as artes. É isso que vai permitir que façam uma leitura crítica e competente da paisagem, da economia e da cultura do país.

Este é o processo de constituição de um cientista: à medida que amadurece vai criando caminhos para entender e explicar melhor as novidades da ciência, reconhece sua responsabilidade social e se interessa em mostrar para a sociedade como um todo que a ciência faz parte do acervo, do repertório e da ampliação da cultura de um povo. O cientista vai se revelando cada vez mais como cidadão pleno, consciente do que é capaz de fazer para o avanço da sociedade. E aceita com garra a missão de fazê-lo.