ProfiCiência - informação sobre profissões em ciência Conheça as carreiras científicas

A segunda edição da revista "Think Quarterly", editada pela Google, tem como tema a inovação. Um artigo muito interessante cataloga inovações apareceram na ficção científica antes de existirem. Entre eles:

Minority Report - A Nova Lei (2002)
"Os anúncios que apelam ao personagem de Tom Cruise são na verdade baseados em tecnologia existente, como scanners de retina e anúncios em tempo real. Anúncios personalizados em massa já estão aí."

O Exterminador do Futuro (1984)
"Thad Starner não se parece em nada com Arnold Schwarzenegger - exceto pelos óculos. Feitos em casa, eles lhe permitem fazer buscas na Web e ver os resultados diante dos olhos, como o personagem ciborgue de Arnold. (...) A Universidade de Washington está trabalhando em lentes de LED - de contato, não de óculos - que mostram imagens digitais bem na sua frente. Ou você pode simplesmente recorrer ao smartphone: aplicativos de "realidade aumentada" como Layar e Wikitude agem como visores anotados do mundo - sem exigir alterações corporais."

O Vingador do Futuro (1990)
"No filme, passageiros que iam a Marte passavam por um scanner de segurança que mostrava imagens de raio-x dos seus esqueletos. Em 2010, muitos aeroportos dos EUA tiveram instalados scanners totais de corpo. As máquinas de 'onda milimétrica' e 'retroespalhamento' buscam revelar qualquer objeto escondido, especialmente armas, no corpo de um passageiro."

Harry Potter e a Pedra Filosofal (2001)
"Todos já tivemos momentos em que cairia bem um 'encanto de invisibilidade', como o que Dumbledore deu a Harry. (...) O físico quântico Michio Kaku descreve 'Metamateriais' que permitem à luz envolver o corpo e se reformar do outro lado, como se você não existisse. Cientistas da Universidade Duke mostraram o efeito em ação, e um novo material chamado Metaflex tem potencial na indústria."

2001: Uma Odisseia no Espaço (1968)
"O filme icônico pressagiou até os eBooks e tablets: 'ele plugava seu Newspad, do tamanho de uma folha de ofício, no circuito de informações da nave e recebia os últimos relatos vindos da Terra. Um por um, ele invocava os principais jornais eletrônicos do mundo... em alguns milissegundos, ele podia ler as manchetes do jornal que quisesse'."

Qual a sua inovação favorita da ficção científica, já existente ou ainda não? Pense nisso.