ProfiCiência - informação sobre profissões em ciência Conheça as carreiras científicas
A Academia Brasileira de Ciências (ABC) fez 100 anos em 2016 e publicou uma revista com uma linha do tempo sobre a sua história, entrelaçada com a história da pesquisa científica no país. 

A ABC foi fundada em 1916 por um grupo de cientistas - entre os quais Henrique Morize, Oswaldo Cruz, Roquette-Pinto e Juliano Moreira - que queriam "'consagrar todos os seus esforços ao progresso da ciência e ao engradecimento do nosso querido Brasil". Essas palavras foram usadas pelo primeiro presidente e fundador, Henrique Morize, no seu discurso de posse. 

Nesse mesmo discurso, feito em 1917, Morize disse coisas que são atuais até hoje, e importantes no cenário brasileiro de hoje: "Uma infinidade de aplicações da física e da química que constituem nossa civilização atual tiveram como base pesquisas completamente desinteressadas e são, entretanto, o assunto de frutuosas aplicações industriais que enriquecem os países onde os governos clarividentes promovem, com pertinácia, o desenvolvimento da ciência pura, da qual resultam as  aplicações,tão espontaneamente como à flor sucede o fruto."

Isso reforça o que já se sabe em todo o mundo: um país que pretende ser forte e quer crescer não "espera" enriquecer para depois investir em ciência, tecnologia, inovação e educação. Os países que são ricos hojes são os que investiram nessas áreas quando ainda eram pequenos e pobres. Ciência, tecnologia, inovação e educação são os motores do desenvolvimento. 

Saiba mais sobre a história da ABC e seus personagens, lendo a revista na íntegra!